Notícias

CEI das Maternidades vai acompanhar caso da morte de gestante de 15 anos

4 de fevereiro de 2016
CEI das Maternidades vai acompanhar caso da morte de gestante de 15 anos

Adolescente estava grávida de cinco meses, e ficou sabendo que havia perdido bebê um dia depois do atendimento

O vereador Pietro Arnaud (Rede), vice-presidente da Câmara Municipal de Ponta Grossa, disse na tarde desta quinta-feira (4) que a Comissão Especial de Investigação (CEI) das Maternidades irá acompanhar o caso da morte da adolescente Evelyn de Gouveia Oliveira, de 15 anos.

Depois de dar entrada no Hospital Evangélico em 15 de janeiro, devido a um sangramento, Evelyn, que estava grávida de cinco meses, ficou sabendo que havia perdido o bebê um dia depois do atendimento. Após ficar internada na Santa Casa de Misericórdia por causa de uma infecção generalizada, onde passou por um processo de hemodiálise, Evelyn acabou falecendo na madrugada desta quinta.

“Acabamos de perder uma gestante de 15 anos. Nós vamos investigar como aconteceu essa infecção”, afirmou Pietro, que é o presidente da CEI das Maternidades. “Lamentamos profundamente que a cidade de Ponta Grossa continue sendo um palco de tantas mortes e horrores”, completou.