Notícias

CPI do Asfalto realiza sua primeira reunião

13 de outubro de 2015
CPI do Asfalto realiza sua primeira reunião

Ato inicial da Comissão foi enviar Requerimento solicitando informações ao Poder Executivo

O vereador Pietro Arnaud (Rede), vice-presidente da Câmara Municipal de Ponta Grossa, comandou, na tarde do dia 13 de outubro, a primeira reunião da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) que vai investigar os serviços de pavimentação executados pela Companhia Ponta-grossense de Serviços (CPS) nos últimos anos – chamada de “CPI do Asfalto”. Segundo Pietro, que é o presidente da CPI, a primeira ação foi elaborar um Requerimento solicitando informações ao Poder Executivo sobre a CPS. Integram a Comissão os vereadores Rogério Mioduski (PPS), relator-geral; e Pastor Luiz Bertoldo (PRB), Izaias Salustiano (PSDC) e Walter José de Souza, Valtão (PROS), membros.

O Requerimento da CPI do Asfalto está pedindo: cópia do estatuto da CPS; cópia da ata de fundação da CPS; cópia de todas atas de reuniões ordinárias e extraordinárias da CPS; relação onde conste todas as ruas vendidas pela CPS, com as respectivas datas de venda; relação das ruas que ainda não foram entregues pela CPS; extrato da conta bancária da CPS e cópia da conciliação bancária da empresa desde a sua fundação; extrato do Fundo Nacional do Trânsito (Funtran) e da conciliação bancária desde 2005; relação de pavimentação realizada pela Autarquia Municipal de Trânsito e Transportes (AMTT) desde 2005, com a solicitação expressa de fornecer cópia dos procedimentos licitatórios em meio magnético para aquisição de asfalto; relação de pavimentação realizada pela Secretaria Municipal de Obras e Serviços Públicos de 2005 (com o mesmo pedido expresso do item anterior); e relação de empreendimentos da Companhia de Habitação de Ponta Grossa (Prolar) entregues com pavimentação de responsabilidade do Município.